Vereador quer fiscalização acirrada em frigoríficos

Juvêncio Oliveira deu entrada com pedido de ações fiscalizatória nos estabelecimentos de Aracaju

Por Site da CMA
21 mar 2017, 09h53

Considerando as denúncias divulgadas nacionalmente na última semana, a partir da operação “Carne Fraca”, idealizada pela Polícia Federal, o vereador Juvêncio Oliveira (DEM) deu entrada na Câmara Municipal de Aracaju (CMA) nesta segunda-feira, 20, na Indicação que sugere novas ações de fiscalização nos frigoríficos da cidade de Aracaju por parte da Vigilância Sanitária Municipal, com o objetivo de garantir assim, os direitos da população no quesito saúde pública, bem como enquanto consumidores.

“É extremamente preocupante o escândalo que temos acompanhado nos últimos dias. Estamos falando de saúde, economia, leis e ética. São mais de 30 empresas brasileiras do gênero alimentício que estão sendo acusadas de comercializar carnes estragadas, a partir da alteração da data de vencimento do alimento, além de maquiar seus aspectos e usar produtos químicos para mascarar o mau cheiro. Isto é algo inimaginável e inaceitável!”, declarou o vereador.

Quando questionado sobre Sergipe, em especial, a capital de Aracaju, neste cenário de denúncias e descasos, o vereador é taxativo. “As denúncias foram originadas no Sul e Sudeste do país, o que não nos salva deste perigo. Estamos falando da indústria de agronegócio do Brasil, uma cadeia, de um pilar relativamente firme da economia, considerada fraca, do nosso país. Somos o maior exportador de carne bovina do mundo. Se analisarmos a sequência das investigações veremos uma extensa rede de subornos e propinas que desarticulam a relação empresariado x governo público, o que gera caos e, agora, ameaça milhares de empregos.

Por isso, Aracaju pode e deve se resguardar! Devemos intensificar nossa fiscalização e colaborar para que este escândalo seja revertido, pois todos nós corremos riscos de consumir estes produtos, o que vem a desencadear diversos novos problemas”, argumentou.

Complementando sobre sua solicitação junto à Câmara, Juvêncio Oliveira enfatiza que “cobrar novas ações da Vigilância Sanitária não quer dizer que coloco em discussão o trabalho já realizado, mas, sim, que precisamos sempre aprimorar nossas atuações. E, eu, enquanto vereador, devo estar à disposição para somar ideias, forças e melhorias para toda a população”, finalizou Oliveira.

Foto: César de Oliveira