Aparte
PDT reage à presença de dois nomes do PT na chapa de Belivaldo Chagas
B89b1123b17de8de

Fábio Henrique: o PDT quer espaço majoritário

A informação de que Eliane Aquino, PT, já estaria definida como a pré-candidata a vice-governadora de Belivaldo Chagas, PSD, o que Belivaldo considera uma “barrigada de um língua-tonta”, já gerou a primeira discordância no reino dos governista.

Na tarde desta terça-feira, 15, o presidente da Executiva do PDT de Sergipe, Fábio Henrique de Carvalho, saiu com uma nota criticando a decisão e dizendo que seu partido também quer ser contemplado na chapa.

O PDT estranhou que o PT seja credor do espaço de vice e de um nome pro Senado, que viria com Rogério Carvalho. “Entendemos que a decisão tomada na reunião de ontem foi precipitada e sem a discussão devida. Como partido aliado, aguardamos ter o nosso pleito acolhido”, diz nota emitida por ele.

O “pleito” está aqui, neste primeiro parágrafo do nota. “O Partido Democrático Trabalhista, reunido na tarde de hoje (15/05) decidiu que, diante do atual quadro político do Estado, vai pleitear uma vaga na chapa majoritária encabeçada pelo atual governador e aliado Belivaldo Chagas”.

“Como partido integrante do bloco do governo desde 2006, o PDT entende que cada partido deve ocupar uma vaga na chapa majoritária. Vale ressaltar que o atual governador migrou do PMDB para o PSD, exatamente para que todos os partidos fossem contemplados com uma vaga na chapa majoritária”, diz ainda a nota.

Vale a pena confrontar a nota do PDT com a fala do governador Belivaldo Chagas à coluna Aparte. “Não existe esta chapa. Foi uma barrigada total, movida pela pressa. Primeiro, se faz uma reunião sigilosa e sempre tem que ter um bacana que sai dizendo o que aconteceu nela. Um língua-tonta, para se aparecer para um jornalista e dizer que sabe das coisas. Não sabe de nada. Não podemos impor o nome de Eliana Aquino a ela mesma. Seria até um desrespeito a gente anunciar uma chapa fechada sem sequer convidar pessoa representada nela. Que coisa é essa?”, pondera o govenador.

Diante desse fogaréu, Rogério Carvalho, que preside o PT do Estado, já se apressou a dizer que se Eliane Aquino está sendo sondada para vice, não o é pela cota do PT. Uma fonte desta coluna estranhou a nota do PDT em face de Fábio Henrique ter sido citado pelo deputado Fábio Mitidieri, PSD, como um dos pré-nomes para vice e ele ter desconversado.