Aparte
Edvaldo Nogueira pode abrir espaço na Câmara para Camilo Feitosa, filho de João Daniel
4fac818be52b8d2e

Camilo Feitosa: segundo suplente do grupo governista, teve 1.943 votos

O prefeito de Aracaju, Edvaldo Nogueira, PCdoB, não confirma que convoque imediatamente o vereador Antonio Bittencourt, do seu partido, para a Secretaria Municipal de Educação com a finalidade de abrir uma vaga no Legislativo para o segundo suplente de vereador Camilo Feitosa, filho do deputado federal reeleito João Daniel, PT.

O comentário de que Camilo Feitosa viraria vereador logo depois do segundo turno das eleições é recorrente nos bastidores do Poder Legislativo Municipal. Com a eleição de Iran Barbosa, PT, e a convocação do primeiro suplente, Zé Valter, PSD, Camilo sobe de posto e fica mais fácil o acesso. Segundo Edvaldo, e o próprio João Daniel, este entendimento foi pré-pactuado lá na campanha de 2016. Mas até hoje não houve condições de colocá-lo em pauta.

Edvaldo Nogueira admitiu à Coluna Aparte a possibilidade de materializar isso agora, menos mexendo na Secretaria de Educação. “A secretária Cecília Leite está realizando um bom trabalho na Educação e não é nossa intenção mudá-la. Mas admito que devo dar uma mexida geral no nosso secretariado logo depois do segundo turno. Nesse caso, Bittencourt pode, sim, se encaixar numa outra pasta e termos o Camilo como vereador”, diz ele.

De acordo com o prefeito da Capital, é de propósito e quase programático que ele não tenha colocado muita gente efetiva nos postos de primeiro e segundo escalão que foram vagados durante este ano de 2018. “Temos muita gente interina justamente com a intenção de fazer esta reforma no pós eleição”, diz Nogueira. Camilo, pelo PT, obteve 1.943 votos. Zé Valter, pelo PSD, esteve à sua frente, com 2.041. Esse assume de imediato.