YoutubeFacebookTwitterInstagram
Aparte
Author 4eb5c947b54eb69b
Jozailto Lima

É jornalista com 35 anos de experiência profissional. Antes do Cinform, trabalhou nos jornais Feira Hoje, Tribuna da Bahia, Jornal da Bahia, TV Subaé e Jornal de Sergipe.

Jackson Barreto faz previsão de que Belivaldo Chagas vence a eleição no primeiro turno
CompartilharWhatsapp internalFacebook internalTwitter internal
5dbf4d9d303373ff

Jackson Barreto: "Belivaldo cresceu nas pesquisas bem mais do que os seus adversários”

O ex-governador e pré-candidato a senador pelo MDB, Jackson Barreto, previu nesta segunda-feira, em entrevista exclusiva à Coluna Aparte, que o pré-candidato ao Governo de Sergipe, Belivado Chagas, PSD, vai se reeleger governador em primeiro turno, no dia 7 de outubro.

Belivado Chagas é um dos diversos pré-candidatos ao Governo do Estado, mas sua performance nas pesquisas eleitorais realizadas e divulgadas até agora tem lhe deixado sempre em terceiro lugar - atrás de Eduardo Amorim, PSDB, e de Valadares Filho, PSB.

Mas Jackson, que lhe passou o Governo no dia 7 de abril, vê indicativos de que ele está avançando e mudando esse quadro. Preocupa-lhe o fato de Belivaldo não sair de um terceiro lugar nas pesquisas?, perguntou-lhe a Coluna Aparte. “Não. Não me preocupa. Até porque, hoje Belivaldo cresceu nas pesquisas bem mais do que os seus adversários”, responde JB.

Aliás, JB não vê apenas crescimento de Belivaldo. “Ele cresceu e os seus adversários não cresceram”, diz. É aqui ele faz a previsão. “Eu acredito até na definição de uma eleição do Governo em primeiro turno, em favor de Belivaldo”, disse JB.

Esta convicção vem de onde? “Essa convicção vem de um projeto político que a população sergipana sempre recebeu, sempre aceitou e sabe muito bem que nesta eleição vai ter um divisor de águas. Nesta eleição, as pessoas vão estar julgando os que estão ao lado de Temer e os que estão contra Temer”, diz.

Jackson Barreto faz uma análise muito benevolente em favor de Belivaldo Chagas enquanto gestor efetivo nestes dois meses. “Eu tenho visto muita coerência, muita seriedade e muita competência no trabalho de Belivaldo. Vejo como de muita aceitação por parte da sociedade sergipana”, afirma.

Jackson Barreto disse, também, que não vê nenhuma gravidade de equação política no fato de o PT entrar com uma candidatura de senador, via Rogério Carvalho, e outra de vice-governadora, através de Eliane Aquino, numa chapa encabeçada por Belivaldo Chagas.

“Não vejo como problemático, porque o PT, de forma alguma, não fez uma exigência de uma vaga a mais na chapa majoritária. A maioria dos que compõem a coligação é que prefere a participação de Eliane Aquino”, diz ele.

“E não somente pelo nome dela, pelo que ela representa, pelo peso político dela. Mas, acima de tudo, porque com ela configura-se uma chapa que marca a continuidade de um projeto que deu certo para o Estado de Sergipe. A maioria da nossa coligação aceita, portanto, de bom grado o nome de Eliane Aquino”, aponta JB.