YoutubeFacebookTwitterInstagram
Aparte
Author 4eb5c947b54eb69b
Jozailto Lima

É jornalista com 35 anos de experiência profissional. Antes do Cinform, trabalhou nos jornais Feira Hoje, Tribuna da Bahia, Jornal da Bahia, TV Subaé e Jornal de Sergipe.

Sandro de Miro vê em 2019 indicativos de um ano economicamente bom
CompartilharWhatsapp internalFacebook internalTwitter internal
98f89ff5c87606c0

Sandro de Miro: a roda vai girar em favor de todos 

O empresário Sandro de Miro, um dos diretores do Grupo Presidente, do ramo de combustível e de comunicação social, responsável por quase mil empregos diretos em Sergipe, disse à Coluna Aparte nesta sexta-feira, 30, que já dá para prenunciar “uma melhora na economia” para o próximo ano.

“Eu estou sentindo uma boa expectativa da parte de todo mundo, sobretudo dos empresários e prestadores de serviços. Todos estão apostando que teremos um 2019 muito melhor”, pontuou o empresário, para quem “se assim for, será bom para todo mundo”.

“Manifestar positivismo nesta hora ajuda bastante, porque muito desta crise que está aí é de mau humor do mercado. Ela reflete a falta de esperança do empresariado. Mas quando passar a ter uma agenda positiva, as coisas vão rodar melhor”, disse Sandro.

Para ele, essa onda que se anuncia terá um efeito horizontalizado. “Isso contemplará o pequeno e o grande empreendedor, e começa a girar a roda. Nós mesmos estamos acreditando muito, muitíssimo, nas possibilidades de 2019”, disse Sandro, cuja família se insere entre “os grandes” empreendedores de Sergipe.

Essa euforia positivista de Sandro de Miro tem uma origem - e ele mesmo a traduz. “Mas por que eu penso assim? Porque nós depositamos esperança no novo governo. Nós tínhamos a esperança de que Jair Bolsonaro viesse a conduzir a escolha dos seus futuros ministros de forma técnica, e isso ele está fazendo. Estamos sentido que ele está botando os nomes certos nos lugares certos. Nos preocupa apenas a interlocução com o Congresso, mas como ele é raposa velha, vai saber como resolver”, diz o empresário. Sandro já foi vereador de Aracaju.

“Entendemos que a economia vem muito mais pela esperança de boas notícias do que pelos números que ela apresenta. O que eu quero dizer que é não há boa economia com notícias ruins. As notícias atuais estão contribuindo para girar uma roda positiva. Portanto, tenho muita esperança de que o ano será bom para todos os brasileiros”, diz o empresário.