Aparte
Eleições 2020: prefeita de Lagarto troca quatro secretários
C394b42168078f1b

Hilda Ribeiro trocou os gestores das Secretarias de Administração, Agricultura, Educação e Finanças

Nas eleições municipais deste ano, a data limite para a desincompatibilização - quando os interessados em se candidatar ao pleito são obrigados a sair de função executiva - é somente 4 de abril. Contudo, em Sergipe, neste mês de janeiro, já tem gestor municipal exonerando secretários de pastas. É o caso de Lagarto.

Começando o ano com todo o vapor, a prefeita de Lagarto, Hilda Ribeiro, SD, anunciou, nesta última segunda-feira, 6, a saída de quatro secretários municipais - Administração, Agricultura, Educação e Finanças - que pretendem se candidatar nas eleições de 4 de outubro.  

Segundo Hilda, o objetivo das modificações administrativas na Prefeitura de Lagarto logo no início deste ano é fazer com que todo o secretariado permaneça focado tão somente na gestão e continue um trabalho voltado à população lagartense.

“Estamos conversando com todos que fazem parte da administração. Quem tiver interesse de se candidatar, deve entregar o cargo. Estou preocupada apenas em fazer uma gestão interessada no bem-estar da população”, informa a prefeita.

Na Secretaria de Administração, saiu Bianca Ribeiro e entrou Luiz Carlos, até então, diretor Administrativo da Saúde. Na Agricultura, o vereador Fábio Frank deu lugar a Túlio Simões - servidor efetivo da Prefeitura e técnico em Meio Ambiente. Na Educação, afastou-se Eduardo Maia e assumiu Magson Almeida, que já atuou como professor da rede Estadual e Municipal. E, em Finanças, o novo secretário é Thiago Franco -  ex-servidor concursado do Tirbunal de Justiça e ex-diretor financeiro da Funesa -, que substitui Raoni Lemos.

De acordo com Hilda, a Secretaria de Indústria e Comércio, em breve, terá mudanças também. O atual secretário da pasta, Jailton da Mercearia, é pré-candidato a vereador em Lagarto e deverá sair nos próximos dias.