Aparte
Na Entrevista, Machado diz o que quer e o que pode o DEM de Sergipe sob seu comando
1062d132a8650706

Jose Carlos Machado: de volta à ribalta de DEM

Depois de quase 30 anos pertencendo aos quadros do DEM, e de ter estado fora dele de 2012 até este ano, o ex-deputado federal José Carlos Machado finalmente retorna à sua antiga casa partidária, está presidente da Executiva provisória do DEM em Sergipe e tem um projeto de inserir fortemente esse partido nas sucessões municipal do ano que vem e na estadual de 2022.

Segundo Machado, o DEM vive um momento muito significativo na política nacional como detentor das Presidências do Senado e da Câmara Federal, e nessa condição ele acha que tem um papel muito forte em novo DEM que as suas lideranças querem para o Nordeste.

Na Entrevista ao Portal JLPolítica deste domingo, Machado vai contar como foi convencido pela cúpula nacional do DEM - leia-se ACM Neto, José Carlos Aleluia, Rodrigo Maia e até Maria do Carmo - a retornar ao partido.

“O ACM Neto tem um discurso muito claro: ele acha que está na hora de recuperar o prestígio dos Democratas, do antigo PFL, sobretudo no Nordeste brasileiro”, diz Machado.

O engenheiro José Carlos Machado entende que em Sergipe o DEM deve ter candidato a prefeito em Aracaju e está mapeando as grandes e médias cidades do interior para ver como proceder em 2020.

Na Entrevista, Machado admite que ainda sonha com o mandato de deputado federal, discute muito algumas demandas reprimidas do Estado de Sergipe frente ao Governo da União, conceitua o impasse em que está metido o governador Belivaldo Chagas na cassação pelo TRE, faz um grande reconhecimento da importância de João Alves Filho para a história de Sergipe e diz que sua relação com a senadora Maria do Carmo está muito boa.