Aparte
Zé Franco aceitaria ser candidato a vice-prefeito de Padre Inaldo?
9fc038f911be7a0b

Zé Franco: dá-se bem com Inaldo, mas continua pré-candidato a prefeito

Uma fonte ligada ao prefeito de Nossa Senhora do Socorro, Padre Inaldo Luis da Silva, PCdoB, garantiu a esta Coluna que ele e o ex-prefeito José Franco estão entabulando uma conversa visando uma dobradinha pela reeleição do Padre no ano que vem.

Segundo esta fonte, não seria com Zé Franco indicando o candidato a vice-prefeito, na pessoa do filho Manelito Franco Neto, ou de outro aliado qualquer. “Seria ele mesmo, Zé Franco, sendo o candidato a vice-prefeito numa chapa de Inaldo”, disse a fonte, que naturalmente pediu para se proteger no off.

Segundo essa fonte, o prefeito de Socorro teria ido a um jantar na casa de Zé Franco, na noite do último sábado, 10, e ficado surpreendido com a proposta feita por esse político, que já foi prefeito do município por dois mandatos e em 2016 teve a segunda maior votação na disputa pelo Executivo, embora os votos dele não fossem contabilizados por problemas judiciais.

De acordo com essa fonte, Zé Franco “não queria falar” sobre a indicação do filho para uma composição com Inaldo. Na conversa, o ex-prefeito teria dito que “pessoalmente fala muito em quer ser o candidato a prefeito de Socorro”, mas que “aceitaria mesmo ser o candidato a vice”.

Por não ser muita adepta do off, esta Coluna é de ouvir as fontes. É de dar-lhes voz. Daí que tentou falar nesta segunda-feira com o Padre Inaldo Luis da Silva e com Zé Franco. Com o Padre-prefeito, não obteve êxito. Com Zé Franco, sim, conseguiu.

E Zé Franco não confirma esse entendimento com Inaldo, apesar de advertir que “política é a arte do possível e do impossível” e de tecer loas positivas em relação ao prefeito socorrense.

“Eu gosto muito do Padre Inaldo. Me dou muito bem com ele e até trabalhei muito para ele se eleger deputado estadual em 2014. Fui uma das pessoas que mais trabalharam para ele chegar a Alese. Eu fui pedir votos pra ele em Areia Branca, Japaratuba, Socorro. Ajudei muito”, disse Zé Franco.

“Com relação à sucessão de Socorro, afirmo que me dou bem com todo mundo. Mas continuo reafirmando o que sempre disse antes: eu sou pré-candidato a prefeito”, disse Zé Franco. Mas o senhor não teria acenado para Inaldo com a possibilidade de ser o candidato a vice-prefeito dele?

“Eu? Você pode até escrever aí que a política é a arte do possível e do impossível. Mas, embora eu não tenha vaidade de ser prefeito de novo, eu quero o crescimento de Socorro, e sou pré-candidato a prefeito, porque as pesquisas estão dando meu nome nessa condição”, disse Zé Franco.

“Eu estou sempre em primeiríssimo lugar e não posso ir de encontro ao interesse da população. Só não digo agora que sou candidato a prefeito, porque não posso. A lei me proíbe. Só posso dizer que sou candidato depois das convenções”, disse Zé Franco.