Aparte
Secom de Aracaju remete a órgãos de controle documentação da campanha contra Covid-19
F0a295bb44cf1961

Carlos Cauê: ampliando a transparência da campanha emergencial contra Covid-19

O Tribunal de Contas de Sergipe, o Ministério Público do Estado e a Controladoria-Geral do Município já estão de posse de cópias de toda a documentação referente à contratação feita pela Prefeitura de Aracaju, na semana passada, de empresas para tocar a campanha informativa de combate à covid-19.

Os documentos foram enviados aos órgãos de controle nesta quarta-feira, 3, por iniciativa da administração municipal. Ao enviar a documentação, a gestão objetiva conferir a maior transparência possível aos atos administrativos postos em prática.

Foram encaminhados todos os autos da dispensa e dos contratos emergenciais para o monitoramento da internet; para a continuidade de registro para o banco de imagens da PMA e a realização de campanhas com o fim exclusivo de orientar e informar a população sobre o combate à pandemia.

De acordo com a Secom, tais contratações estão amparadas na legislação que regulamenta as ações emergenciais para o enfrentamento da pandemia no país.

“São atos públicos cujos teores, além dos próprios órgãos de controle, também estão à disposição de toda a sociedade e de todo cidadão”, diz o secretário da Comunicação, Carlos Cauê.