Aparte
OPINIÃO - Pela liberdade de ser, viver e amar
E2ea844cfb693c77

[*] Jossimário Mick

Maio é o mês de enfrentamento à violência contra lésbicas, gays, bissexuais, travestis e transexuais e hoje, dia 17, comemoramos o Dia Internacional da Luta Contra a LGBTFobia. Ninguém precisa ser LGBT para lutar contra homofobia.

O Brasil lidera no ranking do país que mais mata LGBTs no mundo, e isso precisa ser mudado. A diversidade precisa ser respeitada e ter seus direitos assegurados.

Lutar contra os crimes de ódio e preconceitos que matam de diversas formas lésbicas, gays, bissexuais e transexuais no Brasil é urgente e deve ser uma atividade diária.

A dignidade da pessoa humana é um dos fundamentos da Constituição Federal brasileira. Precisamos fortalecer as políticas públicas para promoção do exercício da cidadania e contribuir para a justiça social.

Precisamos fortalecer os direitos de todos os cidadãos, a igualdade e a liberdade de expressão afetiva-sexual e identidade de gênero e combater qualquer tipo de discriminação baseada nessas características.

Seguimos na direção da construção de uma sociedade livre, justa e solidária que concretize o direito à dignidade humana em todas as suas instâncias e diversidades. Venceremos a LGBTFobia através do amor.

[*] É professor, secretário de Juventude PSOL de Aracaju e foi o candidato mais jovem do Brasil ao Senado em 2018.