Aparte
Reportagem Especial: partidos mudam de nomenclatura a conceitos
35d7887229ce6c01

Reportagem debate mudanças realizadas por agrupamentos políticos

De Partido do Movimento Democrático Brasileiro - PMDB - a apenas Movimento Democrático Brasileiro – MDB. De Partido Republicano Brasileiro a apenas Republicanos.

Já o Partido Popular Socialista - PPS - virou Cidadania e o antigo Partido Trabalhista Nacional - PTN - passou a Podemos. O ex-Partido Trabalhista do Brasil - PTdoB - virou Avante.

Esses são só alguns exemplos das mudanças que a maioria dos agrupamentos políticos realizou. Elas começam pelas designações e vão até os principais conceitos, gerando dúvidas com relação à sua essência.

“Os partidos no Brasil estão fragmentados, não têm coerência”, disse o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, em entrevista na semana passada.

Será que ele está certo? A Reportagem Especial desta semana traz o tema à tona e promove esse importante debate sobre os protagonistas das eleições, que já se desenham e aproximam e, ainda que não responda a esse questionamento, mostra que o desgaste da política gerou mudanças significativas nessas estruturas.

“O partido político é um organismo vivo e é o termômetro dos seus filiados. Como temos eleições a cada dois anos, esse sistema eleitoral impulsiona a agitação partidária e faz promover os pré-acordos e mudanças”, explica o professor Eduardo Macêdo.

A Reportagem Especial, que conta com a opinião de presidentes de partidos - com e sem o P - estará disponível no domingo, 8, a partir das 20h.