Politica & Negócios
Boas práticas: Natura é reconhecida como 15ª empresa mais sustentável do mundo
14877c3ee9b6fd54

Natura: que tal um mundo mais bonito e sustentável?

Esta é uma notícia que deve ser valorizada: a Natura, marca brasileira de produtos de beleza, foi reconhecida como a 15ª empresa mais sustentável do mundo pelo ranking Global 100, da Corporate Knights, companhia com sede em Toronto, Canadá, e referência mundial em produtos de mídia, pesquisa e informações financeiras.
 
O ranking analisou 7.500 empresas de 21 países e de diferentes setores da indústria. A Natura é a única companhia do Brasil no segmento a aparecer no levantamento, o que aconteceu pela décima vez consecutiva.
 
Essa consciência, mais que isso, essa política empresarial de aplicabilidade do conceito de sustentabilidade é resultado de uma série de boas práticas adotadas pela Natura há mais de duas décadas. Entre as ações, está a adesão ao movimento global de companhias que integram seus resultados financeiros à geração de resultados socioambientais.
 
Tem mais: em 2018, a Natura foi a primeira companhia brasileira a conquistar o selo The Leaping Bunny, da Cruelty Free International, que atesta o compromisso com a não realização de testes de produtos em animais.
 
Graças à pressão popular, avanços legislativos e muito investimento em tecnologia, existem empresas deixando para trás essa prática. No Brasil, a Natura foi uma das companhias do setor a assumir, em 1998, o compromisso de não testar em animais.
 
Para cumprir a meta estabelecida, investiu em infraestrutura, criando um laboratório de análise toxicológica na fábrica em Cajamar, em São Paulo, e contratando pesquisadores. Os primeiros resultados desse esforço foram colhidos já em 2003, quando a empresa parou de testar em animais produtos acabados.
 
Em dezembro de 2006, a prática foi abolida em todas as fases de desenvolvimento dos cosméticos da Natura. Dois anos depois, a empresa passou a integrar a lista do Projeto Esperança Animal - PEA -, organização não governamental que, anualmente, publica a relação das companhias brasileiras que não realizam testes em animais.
 
Além de tudo isso, a Natura ainda tem uma eficiente equipe de Comunicação e Marketing que cria uma campanha que tem como mote a pergunta “O que uma marca de beleza pode fazer pelo mundo?”
 
Curiosos pela resposta? Confira: “Uma marca de beleza pode criar produtos que tem a ética como ingrediente principal e uma rede de pessoas unidas em um só propósito: deixar o mundo mais bonito”. Nada mais a dizer! Apresentem-me uma consultora Natura urgentemente!