YoutubeFacebookTwitterInstagram
Politica & Negócios
Author f2775e4c231e1ff7
Maria Tereza Andrade

Maria Tereza Andrade é jornalista, graduada pela Unit em 1995, com experiência em veículos de comunicação em Sergipe e no Brasil. No JLPolítica é gestora de Relacionamento. 

Fecomércio completa 72 anos e quer ampliar as ações por todo Sergipe
CompartilharWhatsapp internalFacebook internalTwitter internal
A5393f34a05f5e54

Laércio Oliveira: "São 72 anos de uma trajetória vitoriosa que continuará"

A Federação do Comércio de Bens Serviços e Turismo do Estado de Sergipe - Fecomércio - completará 72 anos no final deste mês, dia 28 de fevereiro. Como projeto inovador à época da sua criação, a entidade mantém o espírito empreendedor, a preocupação social e o olhar voltado ao futuro.

A história de fundação da Fecomércio é marcada por uma vivência pós-segunda guerra mundial, em 1948, período em que o mundo passava por profundas transformações sociais e econômicas. Diante da complexidade do momento, empresários do comércio se uniram, sob a liderança de José Ramos de Moraes, para fundar uma das maiores entidades federativas de representação da classe empresarial do Brasil.

Atualmente sob a Presidência em Sergipe do deputado federal Laércio Oliveira, o hoje Sistema Fecomércio/Sesc/Senac vive uma fase de ampliação das ações, erguendo novas unidades e avançando pelo interior sergipano.

“O Sistema Fecomércio sempre foi uma entidade muito forte no Estado de Sergipe, consolidada por meio das ações, principalmente do Sesc e do Senac, sempre prestando serviços de excelência e primazia para os trabalhadores do comércio de bens, serviços e turismo”, observa Laércio Oliveira.

“Agora, estamos preparando o futuro do Sistema, não apenas com a construção de mais unidades, mas com o fortalecimento dos nossos programas desenvolvidos para atender cada vez melhor a população sergipana”, ressalta Laércio Oliveira.

O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac de Sergipe atua, hoje, em todos os 75 municípios do Estado por meio de unidades móveis de saúde e educação do Sesc, bem como através das unidades móveis do Senac. Tem aquilo que se costuma chamar de a maior capilaridade de uma entidade no país. A entidade leva cursos profissionalizantes,  desenvolvidos com excelência, para pessoas de todo o Estado, indo além de suas instalações físicas - e sempre seguindo com o objetivo de formar profissionais e fortalecer a cidadania.

Aqui, o Sistema está instalado nas cidades de Aracaju, Nossa Senhora do Socorro, Indiaroba, Itabaiana, Lagarto, Tobias Barreto e Propriá. Está construindo espaços em Itabaiana, com o novo Sesc, e em Nossa Senhora da Glória, com a unidade Senac, que será a maior escola do Sertão sergipano.

“Estamos lutando muito para construir novas unidades, para levar nossos trabalhos até os municípios do interior sergipano, para atender melhor a todo o povo. São 72 anos de uma trajetória vitoriosa que continuará”, comemora Laércio Oliveira.