Politica & Negócios
Prefeitura de Aracaju apresenta plataformas de licenciamento digital para construção civil
Df8888e85f601040

Segundo Emurb, plataformas adotadas vão reduzir custos e encurtar prazos

Em reunião virtual realizada na quarta-feira, 29, o secretário municipal da Infraestrutura e presidente da Empresa Municipal de Obras r Urbanização - Emurb -, Sérgio Ferrari, apresentou a profissionais e representantes de entidades classistas ligadas ao setor da construção civil o processo virtual de licenciamento e liberação de obras no âmbito do município de Aracaju.

Depois de algum tempo em fase de testes, as plataformas AjuInteligente e 1Doc passarão a funcionar de forma definitiva como a principal ferramenta para que o cidadão, o profissional ou empresa forneça a documentação exigida para o licenciamento das obras na capital. A implementação e os benefícios que serão sentidos a partir de agora foram apresentados durante a reunião e tiveram uma boa receptividade por parte dos representes classistas.

Consideradas um marco para a modernização dos processos de liberação e regularização de obras civis, as plataformas adotadas vão reduzir custos e encurtar prazos, proporcionando celeridade na tramitação dos documentos e laudos emitidos pelo órgão.

Para o presidente do Crea-SE, Arício Resende, a desburocratização dos processos de licenciamento favorecerá o trabalho do profissional devidamente habilitado. "Quero parabenizar a Prefeitura e a Emurb por esta iniciativa inovadora para nossa capital, que só trará benefícios. Aproveito para colocar o Crea-SE como parceiro e colaborar, através de possíveis convênios, para que amplifique ainda mais esta medida e, sobretudo, dinamize a obtenção de informações, acelere os processos e facilite o trabalho dos profissionais".

O mesmo entusiasmo foi demonstrado por Geraldo Majela de Menezes Neto, vice-presidente de obras privadas da Aseopp, ao comentar a implantação do licenciamento digital. "Este projeto será um legado que a gestão municipal deixa para a cidade e o futuro vai demonstrar isto. De forma que me somo aos elogios já deferidos aqui e vamos lutar para que, paralelo ao processo de informatização, também sejam flexibilizadas algumas leis que ainda travam a realização de obras", afirma o dirigente classista.

Durante o encontro, o secretário municipal Sérgio Ferrari destacou que todos os órgãos da Prefeitura de Aracaju possuem esta interface. "Dentro do Planejamento Estratégico há um recorte para tornar a gestão mais inteligente e os estudos e a adoção destas plataformas já funcionam entre os setores municipais com muita celeridade. No caso do licenciamento, os laudos e documentos expedidos por outra secretaria é a Emurb que irá requerer e anexar à documentação do requerente", detalhou.