Politica & Negócios
Opinião - Desrespeito. E volta o escândalo das feiras
34ddb3655c18a5bc

Feira do Carro Quebrado, na qual Bertulino Menezes vê irregularidades

[*] Bertulino Menezes 

Agora, já não resta nenhuma dúvida: a administração municipal de Aracaju precisa responder por mais um escândalo. Não bastasse o caso do lixo, da licitação enganosa das feiras livres e de outras denúncias, fica evidente agora o esquema corrupto que tinha a intenção única de afastar a Eco Feiras Empreendimentos desse setor do comércio em nossa cidade. 

Permaneci durante mais de 22 anos nessa atividade em Aracaju, montamos feiras-modelo invejáveis, mas a truculência da gestão atual imperou. Forçaram a minha saída, e a solução encontrada está aí: basta ver as fotos tiradas hoje, às 7 da manhã (02/01/20), na Feira do São José, no Carro Quebrado. 

Este é apenas um exemplo: barracas antigas espalhadas sem qualquer controle pelas ruas e praças; produtos jogados pela calçada, equipamentos atrapalhando o trânsito. E não há qualquer fiscalização. Há o total desrespeito às normas da licitação. 

Ordem de serviço é pra ser cumprida, caramba! Não era assim comigo? Ou agora prevalecem a conveniência e as condições da firma ganhadora da concorrência? Como ficam os prazos dados para o resfriamento das carnes e produtos perecíveis nas feiras livres? 

Onde está o respeito ao acordo firmado com o Ministério Público dessa cidade? Responda-me, senhor Bira. É muito estranha essa passividade. Onde está o rigor utilizado apenas para o propósito de me afastar? 

Quando será que alguma investigação irá apurar os desmandos e os abusos do diretor de Espaços Públicos da Prefeitura, senhor Ubiraci Rabelo, o Bira, sobrinho de Jackson Barreto? Lamentável. 

O ano começa mal. Mexam-se, senhores fiscais. Assuma sua responsabilidade, administração municipal. Triste política, movida por ciúmes, inveja e interesses suspeitos.   

[*] É jornalista, empresário, ex-vereador de Aracaju e funcionário do Judiciário Sergipano.