Justiça afasta deputado Daniel Fortes

Decisão saiu na última sexta-feira, 3, concedendo liminar ao primeiro suplente Tijói Barreto

Por Com informações da Infonet
06 mar 2017, 17h17

O deputado estadual Daniel Fortes (PEN) terá sua posse suspensa menos de um mês após ter assumido uma vaga na Alese. A decisão saiu na última sexta-feira, 3, pela juíza de direito Patrícia de Almeida Menezes, que concedeu liminar ao primeiro suplente Tijói Barreto.

Com a liminar, Daniel, que é segundo suplente e tomou posse após outra decisão judicial no dia 13 de fevereiro, deverá ser afastado da função parlamentar tão logo a Assembleia Legislativa seja notificada. Ainda cabe recurso.

Tijói, eleito como primeiro suplente na eleição de 2014, fora impedido de assumir a vaga na Assembleia por ter sido afastado de sua função de vereador na Câmara de Vereadores de Aracaju após suposto envolvimento em desvios de verbas parlamentares.

Contudo, no mandato de segurança obtido nesta sexta, sua defesa alegou que, por ainda não ter sido julgado, ele estaria apto a assumir sua vaga na Alese.

FOTO: Jadilson Simões / Alese

Com Informações da Infonet