COM 53 KM

Rodovia Itabaiana-Itaporanga será a maior estrada de Sergipe

Obras da rodovia Itabaiana-Itaporanga (SE-255) e do maior ginásio poliesportivo de Sergipe foram visitadas nesta quinta-feira, 27, pelo governador Jackson Barreto

Por Agência Sergipe de Notícias
27 abr 2017, 19h36

As obras da rodovia Itabaiana-Itaporanga (SE-255) e do maior ginásio poliesportivo de Sergipe foram visitadas nesta quinta-feira, 27, pelo governador Jackson Barreto, após ele conhecer as instalações do shopping Peixoto. Com 53 km de extensão, a SE-255 custa R$ 58 milhões frutos do Proinveste e será a maior rodovia estadual entre municípios executada pela gestão estadual. A obra está com 28 km de terraplanagem concluída e será entregue próximo ano.

O governador ficou admirado com a obra da rodovia que interligará a BR-101, na altura do povoado Aningas, em São Cristóvão, passando por povoados dos municípios de Itaporanga D’Ajuda e Areia Branca até encontrar-se com a BR-235, precisamente no povoado Rio das Pedras, em Itabaiana. “Essa é a maior rodovia construída nos últimos anos, com 53 quilômetros. São R$ 58 milhões do Proinveste. Além dela, há as obras de saneamento básico, ginásio poliesportivo e a Ceasa, que dinamizará o comércio de hortaliças e frutas da região”, disse Jackson. Ao seu lado, estava o diretor-presidente do DER, Antônio Vasconcelos, que destacou que essa é a maior estrada que o Estado executa de uma só vez. “Antes disso, as maiores tinham sido a de Carira para Glória, com 46 km, e a Pirambu-Pacatuba, também com 46 km de extensão”.

No momento, aproximadamente 110 operários e 70 máquinas trabalham na execução da nova rodovia. De acordo com o engenheiro do Departamento Estadual de Infraestrutura Rodoviária de Sergipe (DER), Geraldino Vieira, os trabalhos acontecem de segunda a sábado, em quatro frentes de serviço e em quatro municípios (Itabaiana, Itaporanga, São Cristóvão e Areia Branca). Dos 53 km de extensão total, 28 km já foram executados. “Podemos dizer que 50% do trecho está em fase final, faltando só a camada de asfalto. Foram 28 quilômetros terraplanados, 15 quilômetros com sub base e 28 quilômetros de execução de obras complementares”, complementou.

A rodovia atende ao padrão estabelecido nas novas estradas estaduais. Ela terá dez metros de largura, sendo sete de pista de rolamento e três de acostamento, sistema de drenagem pluvial, sinalização horizontal e vertical, além da construção de duas pontes sobre riachos que cortam o percurso. Além de interligar as duas principais rodovias federais que atravessam o estado, a Rodovia Itabaiana-Itaporanga facilitará o escoamento da produção agrícola e mineral, oportunizará melhores condições de vida e segurança para a população, valorizará as diversas propriedades às suas margens e nas proximidades, encurtará distâncias entre as sedes dos povoados e os municípios, e, sobretudo, contribuirá para a ampliação da malha viária e o desenvolvimento socioeconômico de Sergipe.

Durante a visita, o governador foi cumprimentado pelo operador de motoniveladora, Edanilo Santos, 30, que o abordou mostrando fotos e comentando que esta foi a segunda vez que o encontrou em uma obra. Ele agradeceu a atenção de Jackson e relembrou a primeira vez que o viu numa intervenção, à época em que trabalhava na duplicação da BR-101.

Natural de Itabaiana, Edanilo trabalha há seis meses nas obras da rodovia Itaporanga-Itabaiana. “Tive a oportunidade de voltar para minha cidade com essa obra do governo do Estado. Para gente que trabalha em obra, são de fundamental importância intervenções assim no estado para geração de emprego e renda. Ficamos felizes, pois quanto mais obra, mais emprego, e não precisamos migrar para outros estados em busca de trabalho. Tem gente que estava há mais de dois anos desempregado e agora está atuando nesta obra”.

Edanilo Santos falou também da importância da obra para a economia local. “Vai facilitar muito o escoamento de verdura, fruta, dos produtos da agricultura, a exportação para Salvador e demais capitais. Também para os feirantes, pois há muitos vendedores ambulantes de Itabaiana que vendem na feira de Itaporanga, e a rodovia vai facilitar muito o acesso. É o progresso facilitando tudo, inclusive a locomoção das pessoas”.

Ginásio Poliesportivo 

Com mais da metade da sua estrutura construída, o ginásio vai proporcionar que moradores do município e da região tenham acesso a um espaço amplo e moderno para a prática de atividades físicas. O investimento de R$ 14.244.205,44, provenientes do programa Sergipe Cidades, é um incentivo ao desenvolvimento dos esportes no interior. A previsão é que a população possa desfrutar da obra já no segundo semestre deste ano.

Durante a visita, Jackson conversou com o mestre de obras Dario Santos e acompanhou as explicações sobre o andamento da intervenção e a localização de diversos espaços que serão construídos, a exemplo das cabines de transmissão, vestiários, tribuna de honra, bilheterias, salas de aquecimento e administração, além das arquibancadas. O governador também ouviu do morador David Mota sobre a importância do ginásio do ponto de vista do desenvolvimento do futsal.

“Estou impressionado com a estrutura desse ginásio poliesportivo. Não tenho a menor dúvida que é o maior do estado e eu posso dizer que é até o maior do Nordeste. Acho que Itabaiana merece por sua história e, afinal de contas, já se fala de esporte nessa cidade desde a década de 40. Aqui tem uma tradição muito grande na área esportiva e precisava de um ginásio poliesportivo, pois o pessoal do futebol de salão e de outras modalidades esportivas não tinha condição de desenvolver seus talentos pela falta de um ginásio dessa dimensão. Agora a população de Itabaiana pode se orgulhar de ter o maior ginásio poliesportivo do estado de Sergipe”, declarou Jackson Barreto.

O ex-vereador David Mota, em conversa com o governador, contou que o município de Itabaiana no ano passado não conseguiu colocar time de futsal no campeonato sergipano porque não tinha sede esportiva. “Esse ginásio então é fundamental, pois vai desenvolver o futsal e outros esportes. E considero ser bom para juventude ter um local para a prática de atividades físicas. Vai ser o único ginásio de Itabaiana”, pontuou.

Com 58% das obras executadas, o empreendimento está sendo edificado no bairro São Cristóvão, mais especificamente nas ruas Leandro Maciel e Coronel Sebrão. Haverá estacionamento para ônibus, e também para carros, com 220 vagas. Além disso, o local contará sala para atendimento médico, tribuna com 118 lugares e cabines de transmissão de rádio e TV. “São 22.000m² de área. É um ginásio imenso e muito bonito”, destacou.

O ginásio será totalmente acessível para pessoas com deficiência, oferecendo 16 rampas, que estarão estrategicamente posicionadas em diversos pontos do imóvel, piso táctil e sanitários adaptados. Além disso, dos 2.376 lugares disponíveis na arquibancada, 28 serão destinados a cadeirantes, garantindo acomodação adequada.

A gestão estadual pretende que o ginásio atenda às diferentes práticas esportivas e, por isso, o local será dotado de traves de futebol de salão, estruturas de vôlei e basquete, com as respectivas redes instaladas, bem como terá demarcações com dimensões oficiais no piso e rede de proteção nas laterais. A cobertura será em telha de alumínio ondulado e terá luminárias industriais sem vidro e alojamento redondo.

Investimentos

Itabaiana também recebe investimentos em coleta e tratamento de esgoto. 98% da intervenção já está concluída, restando apenas a chegada e instalação de equipamento ultravioleta. No total, são R$ 68 milhões em saneamento para o município, sendo R$ 23.012.019,82 relativos à primeira fase e R$ 45 milhões da segunda que, além de complementar os serviços executados até o momento, irá promover a drenagem da sede de Itabaiana, permitindo que os moradores deixem de sofrer com enchentes.

O município também irá receber uma nova Central de Abastecimento de Alimentos (Ceasa) para promover o desenvolvimento, regularizar e organizar a comercialização dos produtos de hortifruticultura. A obra está orçada em R$ 28.856.636,51.