YoutubeFacebookTwitterInstagram
Política & Economia
Por AAN | 11 de Dez de 2019, 17h54
Mutirão do Nome Limpo recebe centenas de pessoas no primeiro dia de negociações
Mutirão contou com a parceria do Sesi, Fecomércio SE, Banese, Energisa, GBarbosa e CDL Aju
CompartilharWhatsapp internalFacebook internalTwitter internal
F7a56ad2a379366f

Na manhã dessa quarta-feira, 11, teve início o Mutirão do Nome Limpo, uma iniciativa da Prefeitura de Aracaju, por meio da Secretaria da Defesa Social e da Cidadania (Semdec), junto ao Programa Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon Aracaju) e empresas parceiras. Durante o evento, que se estende até a quinta-feira, 12, o público tem acesso a renegociação de dívidas em condições diferenciadas, como descontos de até 100% no valor dos juros em alguns casos.

De acordo com o secretário da Defesa Social e da Cidadania, Luís Fernando Almeida, o evento proporciona atenção à educação financeira, aliada às oportunidades para renegociação de dívidas. “Preparamos esse espaço para que as pessoas sejam atendidas com o máximo de conforto e de maneira que possam sanar suas pendências, com as melhores condições possíveis. Nesse mesmo espaço oferecemos informações sobre educação financeira, através do Procon Aracaju.  Esse é um tema que pretendemos reforçar, a partir do próximo, por acreditar que seja um fator determinante para o equilíbrio da economia, além de contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população”, pontuou.

Segundo o coordenador do Procon Aracaju, Igor Lopes, o evento vem atingindo as expectativas esperadas. "O pessoal está se engajando e conseguindo êxito nos acordos, em nenhum momento ficamos sem público. Aqueles com quem eu tive oportunidade de conversar tiveram condições melhores do que estavam sendo ofertadas nos balcões. A expectativa é que continue assim durante todo o evento", avalia o coordenador.

O Mutirão contou com a parceria de empresas como o Serviço Social da Indústria (Sesi), a Federação do Comércio de Bens, Serviços e de Turismo de Sergipe (Fecomércio SE), do Banco do Estado de Sergipe (Banese) e Banese Card, Energisa, Cartão Ceconsud Gbarbosa e da Câmara de Dirigentes Lojistas de Aracaju (CDL Aju).

O superintendente do Sesi, Acrízio Campos, acredita que a união entre os parceiros é fundamental para o bom desempenho do evento. "Em primeiro lugar, parabéns ao Procon por essa iniciativa importante para a comunidade de facilitar o processo de limpeza do nome daqueles que estão em uma situação financeira difícil. É uma oportunidade para o Sesi estar aqui junto como parceiro nesse processo de mutirão, porque nós entendemos muito bem da importância dessa alternativa de solução de problemas", considera.

Já o superintendente da Fecomércio SE, Maurício Gonçalves, chama atenção para a importância da educação financeira no combate ao superendividamento."A gente quer aproveitar para elogiar essa iniciativa Procon Municipal, que é importante. O endividamento é uma questão até social, hoje 60% das famílias são endividadas. Se eu compro um armário e divido para 10 vezes, por exemplo, eu contraio uma dívida. Mas se no dia do vencimento eu não pago a primeira ou a segunda fatura, aí sim eu estou inadimplente. O grande problema da inadimplência também é o alto endividamento, porque as pessoas normalmente compram mais do que cabe no bolso, então a gente fala muito sobre educação financeira. Precisa saber quanto eu ganho e quanto eu posso gastar".

O servidor público Alessandro de Jesus aproveitou a oportunidade para renegociar algumas dívidas, e chama atenção para a vantagem da redução de juros. "Essa iniciativa está sendo ótima. No final do ano a gente recebe um pouco de dinheiro a mais e é claro que a gente quer pagar nossas dívidas e quer negociar para que a gente tenha condições realmente de pagar. Essa oportunidade de a gente ter uma redução dos juros ajuda muito a gente poder limpar o nome. Quanto mais houver iniciativas como essa de juntar as empresas, negociar, vai ser bom para todo mundo, tanto os que vão receber quando para o consumidor que vai poder ter o seu nome limpo e poder continuar consumindo", afirma o consumidor, satisfeito com o serviço.

Assim como ele, a agricultora Luzinete Santos demonstra satisfação em poder participar do evento. "Eu achei uma rica oportunidade, porque está facilitando a vida da gente que deve. Essas empresas para as quais a gente deve, como Gbarbosa, Banese, oferecem serviços que a gente precisa, e quando não temos condições de cumprir com o que a gente deve, ficamos triste. O meu sonho é não ficar devendo para poder dormir tranquila e acordar tranquila. Com essa oportunidade que vocês estão dando, facilita muito a minha vida, assim como a vida de outras pessoas", relata a consumidora. "O atendimento, para mim, foi maravilhoso, e agora eu vou ter a oportunidade de pagar a minha dívida. Vocês estão de parabéns", afirma Luzinete, grata pelo serviço.