YoutubeFacebookTwitterInstagram
AJU
Por Ascom | 06 de Jan de 2018, 13h38
Edvaldo e André discutem liberação de verbas para Mobilidade Urbana
O projeto, elaborado ainda na gestão anterior de Edvaldo, ficou paralisado durante a administração passada
CompartilharWhatsapp internalFacebook internalTwitter internal
F4190ad5a0661d8d

Edvaldo Nogueira e André Moura

Aracaju avança em sua reestruturação. A capital sergipana está prestes a receber investimento federal para realizar seu plano de mobilidade urbana. O prefeito Edvaldo Nogueira reuniu-se na manhã desta sexta-feira, 5, com o deputado federal André Moura, a quem solicitou apoio para liberação dos recursos do plano, que chegam a R$ 130 milhões. 

O projeto, elaborado ainda na gestão anterior de Edvaldo, ficou paralisado durante a administração passada. Ao retornar ao comando da prefeitura, Edvaldo e sua equipe realizaram adequações no plano em atendimento aos novos parâmetros do Ministério das Cidades. Por intermédio do líder do governo no Congresso Nacional, o prefeito apresentou o projeto ao ministro das Cidades, Alexandre Baldy. “Felizmente com a ajuda do deputado André Moura, nós tivemos uma primeira reunião com o Ministério das Cidades, quando apresentamos o projeto já corrigido. Agora o deputado voltará a conversar com o Ministério para que a gente possa o mais rápido possível assinar esse contrato”, afirma o prefeito.

O primeiro contato foi animador e com a chegada de 2018 as conversas poderão ser retomadas para que a capital seja beneficiada com uma melhora significativa na mobilidade urbana. “O ministro das Cidades ficou sensibilizado com a explanação feita pelo prefeito sobre a necessidade de viabilizar o projeto e melhorar a mobilidade urbana na nossa capital. Eu estarei com o ministro já na próxima semana e eu acredito que em breve os recursos serão liberados”, garantiu o deputado. 

O plano de mobilidade consiste em modernizar a área e reformar os serviços que já foram implementados. “Esse plano permitirá a construção de quatro grandes corredores, recuperação dos terminais e pontos de ônibus, além de acrescentar algo novo: a sinalização semafórica inteligente”, explica Edvaldo, ressaltando que a execução do plano de mobilidade se alinha à estratégia da Prefeitura de Aracaju em transformar a capital em um modelo de cidade inteligente.