TENSÃO

Manifestação contra Temer tem tumulto e incêndio

Manifestantes protestam contra Governo Temer e reformas trabalhista e da Previdência, mas ato tem tumulto com a PM

Por EL PAIS
24 maio 2017, 16h43

Protesto intitulado Ocupa Brasília, realizado nesta quarta-feira, 24 de maio, pede a saída do presidente Michel Temer. A manifestação, liderada por movimentos sociais de esquerda, reúne centrais sindicais que costumavam ficar de lados opostos durante os governos petistas, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e a Força Sindical. É a primeira vez na última década que elas se unem por uma causa comum: a derrubada das reformas Trabalhista e da Previdência no Congresso e a saída do presidente, com um pedido de eleições diretas. São 25.000 manifestantes, segundo a Polícia Militar, e 100.000 pessoas, de acordo com os organizadores. O Congresso Nacional está cercado por grades e por PMs e há tumulto na Esplanada dos Ministérios.