Aparte
Jozailto Lima

É jornalista há 38 anos, poeta e fundador do Portal JLPolítica. Colaboração Tanuza Oliveira.

Belivaldo Chagas: “Não quero saber mais de eleição na vida. Não serei candidato a nada mais”
Compartilhar

Belivaldo: “Não me candidatarei nem a síndico de condomínio”

“Não quero saber mais de eleição na vida. Não sou nem serei candidato a nada mais. Nem para síndico de condomínio”. Esta fala é de Belivaldo Chagas, PSD, 61 anos, que está o governador reeleito de Sergipe e que fora vice-governador e deputado estadual por série de mandatos. Segundo ele, no universo da política, o máximo que fará é visitar os amigos políticos.

O governador Belivaldo Chagas fez essas afirmações enquanto assinava, na manhã desta sexta-feira, dia 16, a ordem de serviço para as obras de reestruturação da Rodovia SE-100, com acesso às praias do litoral sul, em Aracaju, e para adequação urbanística dos trechos 3C, 3D e 3E da Orla Sul – aquela na extensão da Atalaia.

Durante a assinatura, Belivaldo Chagas fez o discurso em tom de desabafo, relatando algumas críticas relacionadas a obras e serviços, que culminou com um sonoro “é por isso que eu não quero mais isso” e um “já desisti”, numa referência às disputas eleitorais.

“E eu desencarno mesmo quando deixo o cargo”, disse o governador, destacando que, apesar de não querer mais se candidatar, a sensação que tem é a do dever cumprido na vida política.

“Se hoje fosse 31 de dezembro de 2022, eu estaria satisfeito. Eu disse que chegaria pra resolver e resolvi. Tudo o que fizemos foi para colocar o Estado nos trilhos, tendo capacidade de buscar investimentos”, justifica o governador.

Segundo Belivaldo, houve uma verdadeira revolução em termos de gestão. “Não é fácil estar governador em plena pandemia, mas com uma equipe coesa, antenada e que trabalha o tempo todo, conseguimos viver hoje uma fase melhor, com pagamento em dia, obras e serviços em andamento”, ressaltou.

Belivaldo Chagas tem 61 anos, já foi deputado estadual, vice-governador por dois mandatos e está no segundo mandato de governador - que, pelo que ele mesmo afirma, será também o último da carreira política dele.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.

Elinezio monteiro Siqueira
Não pode parar governador Belivaldo chagas sergipe ainda presida do senhor e Simão Dias pripalmente .. parabéns governador Belivaldo Simão Dias agradece e o povoado triunfo obrigado ..
Vânia Azevedo
Pois é, ele se despede da vida pública muito bem remunerado pois não encontrou pelo caminho o dissabor de, depois de tantos anos sem ter o salário reajustado, vem um governador insensível e deixa os aposentados com salários reduzidos. Ele está certo em não querer mais se candidatar: basta um Bolsonaro.