Aparte
Almeida “convenceu Jackson Barreto a não vestir o pijama”?

Jackson Barreto: se disputar o Senado, o que Almeida terá com isso?

Leitor assíduo desta coluna e observador da política de Sergipe, Adalberto Vasconcelos Andrade, um administrador de empresas, policial rodoviário aposentado e escritor, acredita que foi Almeida Lima que “convenceu o governador Jackson Barreto a não vestir o pijama” da política.

“Eu tenho acompanhado os passos de Almeida Lima e ao ler a sua entrevista neste portal concluo que ele virou o mentor - ou consultor - de Jackson Barreto. Ele, com certeza, foi quem convenceu o governador a não vestir o pijama”, diz Adalberto.

“Almeida desfez as malas do primo e o continua incentivando a seguir em frente e a completar seu currículo na sua longa trajetória política. Ou seja, fechar com chave de ouro como senador da República”, conjectura.

“Só resta saber se o eleitor sergipano pensa como Almeidinha. E só em 2018 saberemos. Isso, aliás, é o que tem tirado o sono da oposição. Não se pode subestimar Jackson, mesmo remando contra a maré e envolto num mar de problemas”, afirma Adalberto.

Para chegar a essa conclusão, talvez Adalberto Vasconcelos Andrade - ele já administrou a sucursal de um jornal, a do Tribuna da Bahia aqui – tenha se inspirado nessa fala de Almeida na entrevista: “O meu projeto político é o projeto político que for estabelecido pelo governador Jackson Barreto”. Tem lá sua lógica.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.