Aparte
Jozailto Lima

É jornalista há 37 anos, tem formação pela Unit e é fundador do Portal JLPolítica. É poeta.

Milton Andrade prevê que Danielle Garcia pode “liquidar fatura da sucessão logo no primeiro turno”
Compartilhar

Milton Andrade: “Receptividade a Danielle é algo que impressiona”

O advogado, empresário e presidente da Executiva Municipal do PL de Aracaju, Milton Andrade, previu nesta quinta-feira, 8, a possibilidade de a candidata a prefeita da capital de Sergipe, Danielle Garcia, Cidadania, se eleger logo no primeiro turno, no dia 15 de novembro, livrando a disputa de uma ida ao segundo turno.

“Eu tenho dúvida se teremos um segundo turno na sucessão municipal de Aracaju, porque a candidata Danielle Garcia tem recebido clara receptividade da parte da população e pode liquidar essa fatura logo agora no primeiro turno, no dia 15 de novembro”, diz Milton Andrade.

O presidente da Executiva do PL de Aracaju se recusa a achar que essa previsão seja mais uma bravata propagandista de apoiador eleitoral. “Achar que ela pode ganhar logo no primeiro turno não é algo tão simples de acontecer, mas há uma possibilidade real de isso acontecer”, delimita Milton.

“Mas eu meço essa calorosidade em favor de Danielle tanto nas redes sociais, onde ocorrem manifestações espontâneas, nas vezes em que sou abordado nas ruas por estar com um botton ou uma praguinha da candidatura dela quanto, sobretudo, através das caminhadas que estou fazendo à noite pelos bairros de Aracaju”, justifica-se Milton.

“A receptividade que a população tem tido com Danielle nas caminhadas da candidatura dela é algo que me impressiona. Eu já fiz caminhadas antes para mim e para outras pessoas, e nunca vi manifestações como essas”, diz Milton Andrade. Ele foi candidato a governador em 2018.

Mas em caso de a previsão dele não passar mesmo de uma bravata de campanha, Milton refaz a aposta, e continua de nariz em pé. “Depois, não levando no primeiro turno, Danielle vira para o segundo em primeiro lugar, com razoável vantagem e provavelmente terá Edvaldo Nogueira como adversário. Creio que a eleição esteja polarizada entre esses dois nomes”, diz ele.

Além do PL, apoiam a candidatura de Danielle Garcia o PSB, que entra com o candidato a vice-prefeito, na figura do ex-deputado federal Valadares Filho, e o PSDB. A esse combo, eles deram o nome de coligação “Compromisso, esperança e verdade”.

 

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.