Aparte
Jozailto Lima

É jornalista há 39 anos, poeta e fundador do Portal JLPolítica. Colaboração / Tanuza Oliveira.

PL diz que PSD de Sergipe contrata escritório de advocacia para cassar pré-candidatura de Valmir de Francisquinho
Compartilhar

Valmir de Francisquinho: no centro do interesse ruim do PSD

Uma ação, a partir de Sergipe, está sendo movida em Brasília com o objetivo exclusivo de inviabilizar de vez a pré-candidatura de Valmir de Francisquinho, PL, ao Governo do Estado.

Desta vez, foi o presidente do PSD sergipano, Jeferson Andrade, que autorizou a contratação pelo seu partido dos escritórios Boverio & Machado Advogados e Sérgio Victor Advocacia para atuarem como assistentes contra Valmir no processo que pode resultar em sua inelegibilidade.

Estas acusações estão sendo feitas pela Coordenação da Pré-Candidatura de Valmir de Francisquinho e chegaram à redação do Portal JLPolítica através da Comunicação Social do pré-candidato do PL.

Segundo esta mesma fonte, na última sexta-feira, 17, o PSD teria adicionado mais uma banca de advocacia no processo. Nela, estão Ricardo Martins Jr, advogado com especialidade em Tribunal do Júri, que foi advogado do casal Nardoni, acusado de matar a filha, e Celso de Barros Correia Neto, que já foi chefe do gabinete do ministro Gilmar Mendes.

O julgamento do processo de Valmir no Tribunal Superior Eleitoral, iniciado no último dia 2, tem data para ser retomado: dia 23 de junho. E a situação, até este momento, é um voto contra Valmir, do relator Sérgio Banhos.

Em seguida, o ministro Carlos Horbach pediu vistas, com o julgamento sendo, então, suspenso, e deve retornar à pauta do TSE ainda esta semana.

Segundo a Coordenação da Pré-campanha de Valmir, a intenção do PSD de Sergipe é a de participar, como assistente, da acusação de abuso de poder político originada nas eleições de 2018 e, com isso, tirar do páreo um dos principais competidores pelo governo estadual, uma vez que Valmir de Francisquinho lidera todas as pesquisas de intenção de voto até este momento na eleição sergipana.

Pela lógica do valmirismo, essa ação inegavelmente favoreceria os demais pré-candidatos, inclusive um dos principais membros do PSD, o deputado federal Fábio Mitidieri, que também é um desses pré-candidatos, demonstrando a razão principal do interesse do PSD em participar do julgamento contra Valmir de Francisquinho.

Foto: OAB-SE

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.

Ubirajara Nunes de Oliveira
Engraçado esse Valmir de Francisquinho comete desvios de conduta, vai preso por desvio de milhões de reais dos cofres público de Itabaiana, do matadouro e abate de bovinos e sua essessoria culpa os outros políticos,pela sua CORRUPÇÃO isso é piada do ano político , cometeu atos ilícitos então pague pelo seus erros .ok