Aparte
O que explicou Wellington Paixão

Wellington Paixão: Tarifa do Sergás tem vários insumos

Na época, o presidente da Sergás, Wellington Paixão, explicou que a tarifa sergipana é composta por vários insumos. “No nosso caso, temos basicamente 80% do preço do próprio gás comprado à Petrobras. Mais 14% de impostos do Estado. O restante é a margem de negociação da empresa”, afirmou. Trocando em miúdos: “de R$ 1, a Sergás tira apenas 0,11. O restante é da Petrobras. Assim, não tem como negociar e baratear. Essa oscilação da tarifa obedece rigorosamente à oscilação do preço do gás”, justificou.