Aparte
Jozailto Lima

É jornalista há 38 anos, poeta e fundador do Portal JLPolítica. Colaboração Tanuza Oliveira.

Belivaldo Chagas deixa Casa Civil dia 1° de janeiro
Compartilhar

Belivaldo Chagas: sem Secretaria, agenda mais livre

O pré-candidato ao Governo de Sergipe pelo PMDB, Belivaldo Chagas, deixa a Secretaria de Estado da Casa Civil no dia 1° de janeiro. “Da minha parte, está determinado isso. Vou comunicar oficialmente ao governador”, garante ele. “Devo fazer isso para não ter problema de incompatibilidade de horário”, completa.

“Claro que eu vou estar atuando no Governo, na condição de vice-governador. Mas na Casa Civil, eu tenho compromissos no dia a dia. Eu não estando no cargo de secretário, posso criar uma agenda para outras atividades de duas a três vezes por semana, sem nenhuma obrigação formal”, diz ele.

“Eu vou precisar circular mais pelo interior. Sexta, sábado e domingo para todo mundo, e até nas segundas. Ou pode ser ao contrário. Enfim, vou definir uma agenda”, reforça. Ele garante que não definiu os núcleos de trabalho da pré-candidatura. “Só quando eu sair da Casa Civil”, afirma.

No cronograma de eventos de partidos em favor da sua pré-candidatura agora em dezembro, tem duas atividades agendadas. A primeira será a do PDT, no dia 12. A segunda, dia 20, é a do PCdoB. Belivaldo está amimado.

“Eu tive uma conversa muito boa com o prefeito Edvaldo Nogueira, no dia inauguração da Praça dos Expedicionários. Eu foi com ele no carro dele. E vou ter uma conversa com o presidente Antonio Bittencourt”, diz.

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.