Aparte
1º Encontro das Mulheres Municipalistas Sergipanas acontece nesta sexta-feira, 1º

Senadora Maria do Carmo Alves: uma das presenças

Aracaju recebe o 1º Encontro das Mulheres Municipalistas Sergipanas, que acontecerá nesta sexta-feira, 1º, às 8h, no Delmar Hotel. O evento é promovido pela 

Federação dos Municípios do Estado de Sergipe – Fames -, em parceria com a Confederação Nacional de Municípios - CNM.

O encontro tem o objetivo de fomentar o debate de políticas públicas que promovam o fortalecimento da atuação da mulher em todos os níveis de tomada de decisão na vida política, econômica e pública com igualdade de oportunidades. 

A programação inclui painéis de debates e a criação do Movimento Mulheres Municipalistas Sergipanas. Entre as participantes em destaque, estão as senadoras Maria do Carmo Alves e Kátia Abreu. Veja a programação.

1º Painel - O protagonismo feminino e o resultado de mulheres que ocupam lugares de poder e fala.

2º Painel - Respeito à diversidade e concretização de direitos fundamentais.

3º Painel - O enfrentamento a violência contra a mulher, formas de romper o ciclo da violência de gênero.

4º Painel - Desafios para a construção de um futuro mais inclusivo, ações para o cuidado com a mulher.

Será feita, também, uma solenidade de assinatura da ata de fundação do Movimento Mulheres Municipalistas Sergipanas.

 

Jefferson: OAB tem papel decidido no atual cenário político 

“O cenário político relativo à democracia é inquietante, obriga-nos a estar diligentes, para que não haja espaço, o mínimo que seja, de retrocesso democrático”. Este alerta é do advogado Jefferson Feitoza, presidente da Comissão de Direito Eleitoral da OAB Sergipe.

Jefferson Feitoza discutirá esse tema, nesta quinta-feira, dia 30, numa live com a participação do presidente nacional da OAB, Felipe Santa Cruz. “A ideia é discutir o Brasil e a democracia. Então Felipe Santa Cruz é pessoa respaldada para discutir esses temas”, afirma Jefferson.

“Além disso, o mandato na Presidência da Ordem está finalizando, então poderemos fazer um apanhado sobre a sua gestão, qual seu legado e como está preparada a OAB para seguir na intransigente defesa da Constituição e do Estado democrático de direito”, completa. 

O tema da live é bastante oportuno quando se avaliam os últimos acontecimentos envolvendo o presidente Jair Bolsonaro, o STF, as manifestações de apoio ou contrárias ao Governo. “Existe uma clara ameaça à nossa democracia, sim, a partir de ataques às instituições proferidos por políticos”, ressalta o advogado.

Para além disso, de acordo com Jefferson, ainda se observa um movimento de cidadãos pedindo a volta do regime militar, o fechamento do Congresso, o que são atitudes que ferem mortalmente a democracia. 

E, para o advogado, a OAB tem papel crucial nesse cenário. “Eu, pessoalmente, acredito que a OAB seja um dos guardiões da nossa democracia, que precisa não só estar na vigília, mas pronta para o embate em qualquer de momento de ataque à democracia”, analisa.

Ele diz isso com base no que dispõe o Estatuto da Advocacia e a Ordem dos Advogados do Brasil, indicando que é finalidade da OAB defender a Constituição, a ordem jurídica do Estado democrático de direito, entre tantas outras coisas. 

“Mais: o advogado e a advogada ao receberem a carteira da Ordem prometem fazer esta mesma defesa. Dessa forma, é evidente que a Ordem dos Advogados do Brasil é imprescindível à ordem constitucional e democrática, devendo estar na linha de frente, sempre pronta à defender a democracia e o interesse da sociedade”, reforça. 

Já o presidente, de acordo com Jefferson, vai na contramão desse entendimento. “Infelizmente, o atual mandatário do Poder Executivo é um dos maiores incentivadores da quebra democrática, instigando nossa democracia, assim também como as instituições, colocando em xeque a lisura das eleições e das urnas eletrônicas”, opina.

Exatamente por isso, o advogado reitera que é preciso seguir vigilante. “É um dos motivos para que estejamos promovendo lives tratando do nosso país, da democracia”, diz ele. Este ano, o profissional realizamos três encontros virtuais tratando do tema, com Eduardo Moreira, com Eduardo Suplicy e com Mayra Recchia. 

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.