Aparte
Poder da comunicação na Alese foi dividido

Victor Amaral: coordenação geral independente da Diretoria de Comunicação

Para melhor funcionamento e maior aproveitamento da capacidade comunicacional dos espaços de mídia da Assembleia Legislativa de Sergipe, o presidente, deputado Luciano Bispo, PMDB, deu uma separada nas atribuições da Diretoria de Comunicação e dela retirou a TV Alese do domínio do diretor Marcos Aurélio Costa.

Pela nova dinâmica comunicacional da Alese, a TV Alese, que hoje é um canal aberto de comunicação do Legislativo estadual, passa a ter a coordenação geral independente do jornalista Victor Amaral. Marcos Aurélio Costa ficou com apenas a Agência Alese e o site da Alese, o que é muito representativo diante das atividades parlamentares.

A TV Alese tem 13 anos de funcionamento, estava estruturada sobre uma equipe modesta de apenas 18 pessoas, mas no divórcio Marcos Aurélio arrastou quatro jornalistas para o seu clã.

Mas tanto Marcos quanto Victor acham que vai dar para fazer um bom trabalho. Os dois repetem o mesmo discurso de que os três espaços de comunicação da Alese - agência, site e TV - são dos 24 deputados estaduais e da sociedade, sem favorecimento a nenhum deles a mais do que a outro.