Aparte
Ivan Leite admite possibilidade de disputar Governo de Estância

Ivan Leite: enferrujado, jamais

Nos debates públicos sobre a sucessão municipal de Estância do ano que vem, o nome do empresário, engenheiro, ex-deputado estadual e ex-prefeito Ivan Leite, PR, tem aparecido como um dos pré-candidatos.

Aparentemente, isso causa estranhamento por ser Ivan um aliado, em tese, do prefeito Gilson Andrade, sem partido, que tem plano de disputar a reeleição. A esposa de Ivan, Adriana Leite, é a vice-prefeita.

Apesar disso, Ivan Leite não se agacha por atrás do boato. Ele assume viabilidade nisso, sim. “Estando vivo, há sempre uma possibilidade. Estando vivo, tudo é possível”, confirma Ivan Leite, muito descontraidamente.

Mas em que circunstância uma candidatura de Ivan se daria? Ele admite que uma das hipóteses estaria na não materialização da chapa Gilson-Adriana.

“Há várias sugestões por diversas pessoas neste sentido, mas não há nada decidido sobre isso”, diz Ivan, referindo-se à candidatura dele a prefeito.

Para Ivan, a real possibilidade de uma candidatura dele “se aclara e torna-se mais plausível” no processo das convenções, que se dará depois do mês de junho de 2020.

“Como continua possível uma candidatura a prefeita da própria vice-prefeita, a professora Adriana Leite. Eu estou apenas agindo diante da conjuntura. Se a conjuntura não está aclarada, não se pode dizer coisas muito claras agora”, diz Ivan Leite.

E, nesse processo, Ivan não se sente, diga-se assim, “enferrujado” para disputar a Prefeitura de depois de oito anos fora do poder - ele se elegeu prefeito em 2008 e saiu em 2012.

A isso, ele responde com uma figura de imagem bem popular: “Quem aprende a andar de bicicleta e mantém o organismo em condições de pedalar, não se encontra enferrujado”, diz.

Ivan, no entanto, admite que as relações entre ele e Gilson Andrade “não necessariamente” se encaminham para uma impossibilidade total de reatamento – ou de continuidade de parceria.