Politica & Mulher
Ala feminina do Progressistas em Aracaju apresenta pré-candidatas 

Glória Sena: “Mulheres enfrentam os obstáculos de uma política dominada pelos homens”

O Mulheres Progressistas apresentará seis pré-candidatas a prefeita e cerca de 240 mulheres na proporcional, sendo 15 pré-candidatas em Aracaju, nesta eleição. Gloria Sena, coordenadora estadual da sigla, revela que a ala feminina tem realizado encontros com as mulheres a fim de fomentar a participação delas.

“O objetivo destes encontros é o nosso fortalecimento, a troca de experiências e de aprendizados que pretendemos colocar em prática quando a justiça eleitoral permitir. O partido Progressistas tem sido um grande incentivador da participação efetiva das mulheres nas políticas públicas”, assegura. 

Para Gloria, que tem formação em Gestão de Pessoas e já se candidatou em duas eleições, o partido tem se fortalecido, em Aracaju e no interior, de maneira organizada.

“De modo que possamos compreender umas às outras, esclarecer dúvidas , discutir acerca dos cursos de capacitação que nosso partido tem promovido e buscar juntas ocupar os nossos espaços”, resume. 

A ideia é fazer com a que voz feminina cative mais mulheres a pleitear o seu lugar na política. “Enxergando-a como ferramenta de transformação”, ressalta. Glória vê com muito otimismo esse envolvimento. 

“É preciso lembrar que temos menos de 90 anos do voto feminino. Temos grandes representantes, porém somos 56% do eleitorado, então temos muito para avançar e, certamente, estamos caminhando nesse sentido”, opina.

Glória Sena ressalta que as mulheres enfrentam os obstáculos de uma política dominada pelos homens. “É fundamental que a sociedade também dê visibilidade para a mulher na política, pleiteando por nossos direitos e adquirindo cada vez mais conquistas”, reitera. 

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.