Politica & Negócios
Maria Tereza Andrade

É jornalista graduada desde 1995 e tem experiência em veículos de mídia em Sergipe e no Brasil.

Nova Ceasa de Itabaiana deve começar a funcionar até março, diz Belivaldo Chagas
Compartilhar

Belivaldo Chagas: Nova Ceasa movimentará economia regional

“A nova Ceasa - Central de Abastecimento - de Itabaiana será um marco para o desenvolvimento da região Agreste e, por isso, queremos ver o empreendimento logo em funcionamento para gerar ainda mais empregos e renda para a população. Definimos os últimos detalhes no projeto para o início efetivo das atividades no local, que deve acontecer até o final de março".

O anúncio é do governador de Sergipe, Belivaldo Chagas, PSD, que reuniu nessa quarta-feira, 6, o recém-empossado prefeito de Itabaiana, Adailton Sousa, PL, e representantes da empresa Iconbras, concessionária da Central de Abastecimento, para encaminhar detalhes finais do empreendimento. A reunião ocorreu no  Palácio Museu Olímpio Campos, em Aracaju. 

O prefeito Adailton Sousa explica que algumas opções foram colocadas pela gestão municipal e bem discutidas entre as equipes do Governo, da prefeitura e da empresa concessionária. "Nosso objetivo é colaborar para adiantar todos esses processos ainda pendentes e podermos colocar logo em funcionamento este maravilhoso espaço, que será importantíssimo para impulsionar o comércio de Itabaiana, como também para toda a região”, assegura Adailton Sousa.

A Ceasa de Itabaiana é o primeiro projeto do Programa de Parcerias Público-Privadas - PPP - de Sergipe. A expectativa é a de que sejam gerados cerca de 600 postos de trabalho, além de oportunizar serviços remunerados indiretos relacionados à logística de carga e descarga de alimentos e transporte e ampliar escoamento da produção agrícola no Agreste.

Localizada às margens da BR 235, na estrada para o povoado Raposa, com área total de 34.528,87 m² e área construída de 10.652,58 m², a Ceasa proporcionará a feirantes e clientes um espaço amplo e moderno para organizar os produtos e abastecer as feiras dos povoados e municípios próximos.  O Governo de Sergipe investiu mais de R$ 30 milhões no projeto. 

A expectativa é a de que a nova Ceasa de Itabaiana gere cerca 600 postos de trabalho

A estimativa é a de que sejam internalizadas 6.800 toneladas de alimentos hortifrúti e carnes de modo geral, mas com expectativa concreta de ampliação, visto que, na região, existem dois perímetros irrigados da Cohidro que, juntos, já chegaram a produzir em média mais de 20 mil toneladas.

De acordo o diretor da Iconbras, Bruno Barreto - empresa vencedora da licitação de concessão para modernizar e gerenciar o espaço -, na reunião foram atualizados os avanços em relação aos investimentos adicionais e operacionais desenvolvidos no espaço. “Estamos concluindo os investimentos primordiais para que a atividade ocorra da melhor forma e a gente possa inaugurar brevemente. O panorama foi bastante positivo em relação ao andamento e contribuição de todas as partes”, informa.  

Ainda segundo Bruno Barreto, em relação aos comerciantes, a expectativa é muito positiva. “Pretendemos elevar o patamar da atividade no município. Estamos concluindo o processo de todos que já aderiram ao empreendimento, em relação à ocupação e às atividades que irão ser desenvolvidas”, pontua.

A reunião foi acompanhada também pelo secretário de Estado do Desenvolvimento Urbano e Sustentabilidade - Sedurbs -, Ubirajara Barreto, pelo superintendente Especial de Parcerias Público-Privadas do Estado de Sergipe, Oliveira Júnior e assessores. (Fonte e fotos: ASN).

 

Ω Quer receber gratuitamente as principais notícias do JLPolítica no seu WhatsApp? Clique aqui.

Estimativa é a de que sejam internalizadas 6.800 toneladas de alimentos hortifrúti e carnes
Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.