Conflito representativo
Por | 08 de Fev de 2021, 15h04
Em nota pública, PDT Diversidade cobra de Linda Brasil "dar nome aos bois" em caso de machismo na Câmara
Compartilhar

PDT Diversidade: Linda não quis nos responder quem são os parlamentares machistas que afirma e até nos bloqueou em suas redes sociais

Na última sexta-feira, 5, o presidente do PDT Diversidade de Aracaju, Fábio ET, entrou em contato com o Portal JLPolítica alegando que o grupo foi sumariamente bloqueado pela vereadora Linda Brasil, Psol, representante LGBTQIA+ do legislativo aracajuano.

Fábio insistiu e insiste para a vereadora expor parlamentares que, supostamente, agiram com preconceito contra as mulheres da Casa neste início de atividades parlamentares. Segue a nota do grupo partidário.

Nota pública para a vereadora Linda Brasil

Somos do PDT Diversidade, um movimento social comprometido com a luta em favor de uma sociedade justa, respeitosa, livre de preconceitos. E estamos buscando apoios para fortalecer as pautas da diversidade em Aracaju, afinal nossa população é composta por pessoas de diferentes histórias, crenças, etnias, gêneros e orientações sexuais.

No dia 26 de janeiro, procuramos a vereadora Linda Brasil (Psol), através de mensagem no Instagram, pra tentar marcar um diálogo com ela sobre assuntos da diversidade e do público LGBTQIA+.

Mas as reações de Linda Brasil têm sido muito estranhas. Ela já tinha falado que há machistas na Câmara de Vereadores de Aracaju, gente que não respeita as mulheres. Mas não quis nos responder quem são esses parlamentares machistas e nos bloqueou em suas redes sociais, após organizarmos uma enquete pública em que 54% d@s participantes votaram que ela deveria expor os machistas da Câmara de Aracaju. Depois nos desbloqueou, visualizou nossas mensagens, mas continua sem falar conosco. Por que isso, vereadora?

Precisamos lutar com todas as forças contra o machismo e qualquer outra forma de preconceito. E você, Linda Brasil, foi eleita com esse compromisso. Queremos saber: quem são os machistas da Câmara de Vereadores? E precisamos saber também quais são seus projetos para o pessoal LGBT?

Assina:

Fábio ET, presidente municipal do PDT Diversidade em Aracaju/SE

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.