PMA EM AÇÃO
Por Ascom PMA | 19 de Set de 2017, 08h18
Mobilidade e infraestrutura: Aracaju já passa por momento de reconstrução
Mais de 12 obras em andamento que juntas totalizam mais de R$ 25 milhões em recursos conveniados, beneficiando diretamente mais de 150 mil pessoas, ou seja, cerca de 20% da população aracajuana
Compartilhar

Outras serviços chegam a mais de 400 ruas por mês

No entanto, para compreender a dimensão destes números é necessário fazer uma leitura da conjuntura econômica e financeira do Brasil, das dificuldades encontradas pelo prefeito Edvaldo Nogueira nas finanças da Prefeitura de Aracaju e da natureza destas obras. Uma Unidade Básica de Saúde (UBS) e uma Escola de Ensino Fundamental (Emef) no 17 de Março; Interligação Viária entre o Santa Maria e o 17 de Março; consolidação da infraestrutura do Coqueiral, Japãozinho, Moema Mary e Jardim Petrópolis localizados nos bairros Cidade Nova e Santo Antônio, respectivamente, são alguns exemplos da reconstrução estrutural da cidade.

Outra medida muito aguardada pelos motoristas que trafegam pelas vias das públicas da capital começa a se tornar realidade. No último sábado, 16, Edvaldo iniciou no bairro Santa Maria, zona Sul, o Programa de Recapeamento Asfáltico, que deverá corrigir a malha viária da cidade até que corrija os desníveis e buracos existentes atualmente, provocados pela ação do tempo e falta de manutenção. A previsão do Governo Municipal é investir algo em torno de R$ 5 milhões em recursos próprios para recuperar o pavimento dos corredores de trânsito e ruas que interligam as todas as regiões da cidade.

Na manhã desta segunda-feira, 18, o trabalho foi intenso na avenida Alexandre Alcino, com máquinas e profissionais da Empresa Municipal de Obras e Urbanização (Emurb) aplicando mais de 60 toneladas de massa asfáltica composta por Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ), que é um dos tipos de revestimentos mais utilizados nas vias urbanas. Enquanto os profissionais da empresa municipal trabalhavam, eram elogiados por condutores que passavam no local.

"Tanto os fiscais, como nossas equipes de ruas têm nos relatado como as pessoas estão vendo esta nova intervenção urbana promovida pelo prefeito Edvaldo Nogueira. Os motoristas de ônibus invariavelmente diminuem a velocidade só para agradecer o início da recuperação asfáltica e sempre pedem para informar ao prefeito que ele mais uma vez acertou", relata o secretário municipal da Infraestrutura, Sérgio Ferrari.

Ferrari aproveita para explicar os parâmetros técnicos que embasaram esta medida. "Desde o primeiro semestre vínhamos informando que ao cessar o período das chuvas começaríamos com este trabalho. Lembro que pedíamos a colaboração das pessoas e explicávamos que não era possível aplicar massa quente em terreno molhado. Agora vamos intensificar o recapeamento, concluir na Alexandre Alcino e em seguida levar a outros corredores, sem contar que a operação tapa-buraco continuará", destaca o engenheiro.

Serviços

Em 2017 outros serviços foram executados de forma intensa. Até agosto foram substituídas mais de 15.200 lâmpadas em toda a cidade, corrigindo o deficit encontrado no parque de iluminação com mais de três mil pontos com problemas. Já ações na drenagem, terraplenagem e tapa-buraco foram registrados mais de 1.700 solicitações, chegando atender 30 bairros e em média 400 ruas por mês.

Solicitação

Existem canais de comunicação para solicitar os cerca de 15 serviços oferecidos pela Diretoria de Operações da Emurb, podendo entrar em contato com a Assessoria de Comunicação por meio do telefone 3179-1619. Outra forma de interagir com a Administração Municipal é através do e-mail comunica.emurb@aracaju.se.gov.br ou por meio dos perfis nas redes sociais no Twitter (@emurb) e no Facebook (www.facebook.com/Emurb).

Deixe seu Comentário

*Campos obrigatórios.