Ações emergenciais
Por Rede Alese | 25 de Mar de 2020, 15h51
Leitos estão sendo preparados para atender pacientes com coronavírus
Objetivo é montar uma eficaz estrutura de retaguarda
Compartilhar

Governo está ampliando número de leitos tanto de enfermarias quanto de UTIs

O Governo de Sergipe, os prefeitos e os gestores de hospitais particulares estão unidos em torno da ampliação do número de leitos tanto de enfermarias quanto de Unidades de Tratamentos Intensivos - UTIs. O objetivo é montar uma estrutura de retaguarda no sentido de atender aos casos suspeitos e comprovados do novo coronavírus.

O líder do Governo na Assembleia Legislativa de Sergipe, deputado Zezinho Sobral, Podemos, destacou nesta quarta-feira, 25, a importância de ações propostas pelo Governo do Estado e pelos prefeitos no sentido de minimizar os efeitos do Novo Coronavírus. Ele enfatizou que a única forma de a população ajudar é manter o isolamento social.

Zezinho Sobral ressaltou que o governador Belivaldo Chagas anunciou a criação de 379 novos leitos para atender aos pacientes acometidos pelo coronavírus.

“A gente precisa entender que essa ação não é simples; não é uma ação como um passse de mágica, não se coloca um leito de UTI como se fosse um leito de hotelaria, não é isso. Cada equipamento de UTI se tem um número grande de estrutura pra ser montada, métodos, procedimentos e como atuar na higienização dos equipamentos”, ressalta Zezinho Sobral,  lembrando o empenho para destinar os leitos do Hospital da Polícia Militar, da Maternidade Ildete Falcão e da ação conjunta emtre o Ipesaúde e a rede privada.

“Haverá um tempo necessário para que essa atividade se consolide e a única forma nós contribuirmos como cidadãos comuns, é mantermos o isolamento social. Precisamos passar para os nossos eleitores e para quem confia em nós, a necessidade do isolamento social”, entende.

MOMENTO DIFÍCIL 

O secretário de Estado da Saúde, Valberto Oliveira, disse acreditar que todos vão ultrapassar esse momento difícil juntos. “O Governo de Sergipe está fazendo todos os esforços em relação ao preparo da infraestrutura de Saúde e na restrição à circulação e aglomeração de pessoas para evitar o máximo a propagação do Covid-19 pelo nosso estado. Todos precisam entender a necessidade de ficar em casa. Se a gente se esconder o vírus não vai nos achar”, afirma.

RETAGUARDA

Sobre a disponibilidade de novos leitos em hospitais públicos, no sentido de servir de retaguarda da Rede Estadual de Saúde quanto ao enfrentamento ao novo coronavírus, o secretário informou que o Governo do Estado já iniciou as obras de melhorias e readequações do Hospital da Polícia Militar - HPM.

A unidade será equipada e disponibilizará 40 leitos de enfermaria para reforçar o atendimento à população; além da realização de reformas na estrutura, a exemplo da instalação de aparelhos de ar-condicionados.

“São medidas preventivas que objetivam deixar o Estado pronto para um provável aumento de casos do coronavírus, por isso estamos colocando leitos de enfermaria e UTI para atender os prováveis casos”, informa.

UTI

Dos leitos extras anunciados pelo Governo de Sergipe, serão 307 de enfermarias e 72 leitos de UTIs, que ficarão a disposição em caso de aumento do número de pessoas infectadas pelo coronavírus; além da estrutura de hospitais de campanha visando ampliar o atendimento aos pacientes infectados.

No Hospital de Cirurgia, deverá haver a ampliação de 31 leitos de enfermaria e 20 de UTI; no Hospital Regional de Itabaiana: 45 de enfermaria e 10 de UTI; no Hospital Regional de Estância, 15 de enfermaria;

No Hospital Universitário de Lagarto; 20 leitos de enfermaria; no Hospital Nosso Senhor dos Passos em São Cristovão, 10 de enfermaria; no Hospital Regional Amparo de Maria em Estância, 20 de enfermaria; no Hospital de Neópolis, 17 de enfermaria e 10 de UTI;  no Hospital Nossa Senhora da Conceição em Lagarto, 17 de enfermaria e 12 de UTI; no Hospital de Urgência de Sergipe - Huse -,  34 de enfermaria e 10 de UTI no Hospital Regional de Glória.

“Se precisar de outras áreas, vamos utilizar o Clube do Banese e também o prédio do CER IV, colocando leitos”,  disse recentemente o governador Belivaldo Chagas.

Os recursos utilizados na ampliação dos leitos são estaduais, municipais e mediante parcerias público-privadas. O Governo de Sergipe também está buscando recursos federais.

Todos os hospitais particulares também estão aumentando o número de leitos voltados para receber pacientes acometidos pelo vovo cornavírus. Em um hospital particular de Aracaju, foram montados containers exclusivos para as pessoas com suspeita do Covid-19.

Por Aldaci de Souza, Rede Alese

Foto: Jadilson Simões